Oportunidade[s] ?

quarta-feira, 5 de agosto de 2009



Depois te tantos textos nos últmos 10 dias, hoje senti que a fonte (mente) estava vazia... está fantando uma chuvinha de imaginação e bom humor para colocar algo interessante aqui. Muito acontecimentos, alegrias, decepções, medos e coragens[?] que me fizeram descontar nas pontas dos dedos dentro do meu blog pessoal. Mas vocês não têm culpa, uma vez que o responsável pelo dia de quarta-feira aqui sou eu. Euzim mesmo! Talvez pela insatisfação de ter um ofício diário onde não tenho a chance de crescer profissionalmente me faz sentir um pouco de frustração. Não adianta dizer "corra atrás dos seus sonhos" pois esse papo de Xuxa Meneghel só serviu a ela, que foi namorada do Pelé, para poder tornar-se conhecida na mídia e não entrar de cabeça nos filmes B e C - sorte dela. Também não sou preguiçoso a ponto de cruzar os braços e esperar que tudo caia em minhas mãos, mas não dá para fazer o que gosta e viver disso quando não se tem capital para investimento, uma vez que está cada vez mais difícil conseguir um e mais ainda se manter, em virtude da enorme carga tributária que faz inúmeros aspirantes a empresários fecharem seus negócios tão cedo. Tem também o agravante de morar numa cidade mesquinha, conservadora, provinciana, onde tudo gira em torno do governo do estado, onde essa máquina faz e desfaz dando crédito a quem é conveniente ou expulsando quem o atrapalha. Isso sem falar no governo federal. É tão cômodo discutir atos secretos, falcatruas, mensalão quando se tem um gordo salário todo mês. Ficar especulando daqui e dalí, falando bem e mal de fulano, cicrano e beltrano. Quisera eu poder reclamar da vida ganhando 25 mil reais por mês, pois seria um chato, porém rico - pois chato classe média é foda - zé ninguém. Enfim. Não estou desgostoso com a vida, mas o nosso mundo globalizado está tornando tudo mais demorado, complicado e as vezes impossível de se fazer/realizar. Me resta ter a esperança de que um dia pagarei minhas contas com o real trabalho que gostaria de exercer. Não se peocupe, não deixarei de sorrir, afinal ja diz o mais novo ditado tupiniquiim do século XXI: sou brasileiro e não desisto nunca (espero que não mesmo).



...vdj...



.


.


.

6 comentários:

llola disse...

Ola
Ola oLA!!
valeu o retorno, bom sempre vou ao Detesto estudar e gostei daqui vou seguir para sempre voltar certo!!
animes adoroo procura mesmo vc vai curtir e olha Humor é tudo beijos.

Atreyu disse...

Também queria reclamar da vida com 25 mil reais no bolso!!!
Mas a vida não é tão fácil assim... Xuxa é uma vaca! Detesto ela!

Daniel Savio disse...

Que arroto foi este menino VDJ?

Você quer ganhar dinheiro com o que gosta de fazer, mas isto demora as vezes, contudo dúvido que você vá desistir de lutar por isto...

Fique com Deus, menino VDJ.
Um abraço.

Mila disse...

A boca fala o que o coração está cheio.
Sabe eu sei extamente o que vc está dizendo e eu já estive nesse momento em q vc encontra-se.
Olha trabalho numa empresa que quando entrei lá o primeiro mes eu tinha vontade de sair todos os dias.
E hj percebo que se não tivesse passado pelo q passei não teria as oportunidades profissionais que estou tendo hj.
O mundo está exatamente como vc está dizendo, mas e ai? vc tem duas opções:
1ª Cruzar os braços e reclamar dos problemas.
2ª fazer algo para mudar (mesmo que reclamando) pois pode não dar certo, mas ninguém poderá dizer que vc não tentou...
Beijos
e Boa sorte

Dri~ disse...

nos final, quem quer sonho e quer mesmo o sonho em mãos, sempre da certo... é tentar até conseguir, é dificil trazer o sonho para a realidade, mas quando o faz, dificil ele volta.

Grande abraço!

*+ButterflY PrincesS+* disse...

Seu texto retrata meu atual momento... =\